The Returned | Escrito na Madrugada

/ the returned

30jan 2015

Les Revenants

Postado por às em Séries

Les Revenants

Como amante de séries, de vez em quando vago por sites e encontro novas (ou velhas) séries para assistir. E algumas que não são tão assistidas acabam me atraindo também, pois gosto de analisar de tudo sobre elas. Assim foi com Les Revenants (The Returned – Os que voltaram, pode se dizer assim) – uma série francesa baseada num filme de mesmo nome lançado em 2004. Um filme, no qual eu não recomendo. Dirigida por Robin Campillo com a primeira temporada estreada em 26 de novembro de 2012 e a segunda enrolada até esse ano – e torcemos que seja o fim do enrolamento! Já comentei um pouquinho sobre a série aqui nesse post, feito há um tempinho atrás.

Les revenants

A série me chamou muito a atenção pela fotografia, ou seja: Pela junção harmônico das cores, dos ângulos das câmeras, etc. Tudo combina muito com a história, com os sentimentos dos personagens. Tentei colocar todos esses sentimentos em uma só palavra que os definisse, mas infelizmente não achei. Pois, imagine se você, do nada, reencontra aquele seu ente querido que infelizmente faleceu há anos, fazendo coisas normais, como era da rotina dele, como se nada acontecesse. Isso aconteceu, na série, com Camille – uma pré-adolescente cuja sofreu um acidente na estrada há quatro anos atrás e têm uma irmã gêmea – a qual vive normalmente. Aconteceu também com Simon, um noivo suicida, com Victor e Serge.

Cheia de teias recheadas de drama, mistério e várias questões que provavelmente nem você, nem eu, nunca nos questionamos antes, Les Revenants pode enrolar para lançar suas novas temporadas (aliás, o menino que faz o Victor já deve estar gigante agora haha), mas só ao assistir a primeira delas, você vai ter a sensação de que não perdeu seu tempo. Mesmo que a maioria das perguntas feitas durante os episódios, ainda não tenham sido bem respondidas, a sensação é de missão comprida! Para mim, não ficaria triste se a série nunca tivesse outras temporadas, embora esteja looooouca para ver logo a 2ª!

Les Revenants

Os produtores também “mandaram bem” quando escolheram Mogwai para produzir toda a trilha sonora, conseguiu definir em apenas uma música (a da abertura, por exemplo: Hungry Face) todos aqueles sentimentos que eu não consegui definir antes neste mesmo post. Aquela surpresa de ver a pessoa de novo, aquele medo sobre o anormal de vê-la novamente, a excitação em querer abraçá-la e o terror de perdê-la novamente. O idioma, francês, não atrapalha em nada, pelo contrário, só torna a série ainda mais apaixonante. Você vai querer sair falando com biquinho por aí, juro! Além disso tudo, uma das melhores aberturas, na minha opinião! No fim do post você poderá ver a linda abertura da série, infelizmente em baixa qualidade.

E aí, curtiu o post e ficou com vontade de ver a série? Não esqueça de deixar o comentário, vou adorar responder! Inclusive se quiser me indicar uma série legal! 😀 Essa vontade toda de escrever sobre Lô Rãvãnô (Les Revenants) foi por que acabaram de lançar um teaser sobre o lançamento da segunda temporada (enfim!!!) em 2015!

Espero que tenham gostado do post, até mais! 😉

UP!